Influência da salinidade da água de irrigação na qualidade de sementes no semiárido paraibano

Francisco Jean da Silva Paiva, Marilia Hortencia Batista Silva Rodrigues, Kilson Pinheiro Lopes, Joseano Graciliano da Silva

Resumo


A qualidade da semente é determinada por suas características físicas, fisiológicas, genéticas e sanitárias. Em condições de campo as principais causas de deterioração e perda da qualidade fisiológica das sementes esta relacionada com os estresses ambientes, como o uso de água de irrigação com elevada concentração de sais, principalmente o cloreto de sódio, o que é comum na região semiárida da Paraíba, pois o fato da região apresentar baixa pluviosidade, chuvas irregulares no período chuvoso e alta taxa de evaporação torna necessário o uso de água de poços e açudes, fontes estas que possuem alto teor de sais. Esse excesso de sais na água de irrigação influencia negativamente o crescimento e o desenvolvimento das plantas cultivadas, devido reduzir significativamente a absorção de água pelas plantas, assim como interfere no funcionamento do seu metabolismo, refletindo diretamente na qualidade das sementes produzidas nestas condições.

 

 


Palavras-chave


Excesso de sais, Qualidade fisiológica, Distúrbios fisiológicos.

Texto completo:

PDF (Português)

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Francisco Jean da Silva Paiva, Marilia Hortencia Batista Silva Rodrigues, Kilson Pinheiro Lopes, Joseano Graciliano da Silva

ISSN: 2675-3065

 Revista sob Licença Creative Commons

Language/Idioma
02bandeira-eua01bandeira-ingla
03bandeira-spn