Análise destrutiva de (Annona squamosa L.), em função da adubação

Valéria Lima da Silva, Weslian Vilanova da Silva, Alessandra Conceição de Oliveira, Vinicius Marca Marcelino de Lima, Jaqueline Sousa Amorim

Resumo


Objetivou com este avaliar a produção de mudas de ateira submetida a adubação NPK. O experimento foi conduzido em um viveiro telado com 50% de luminosidade, na Universidade do Estado de Mato Grosso, Campus de Nova Xavantina-MT.  A produção de mudas foi realizada em sacos de polietileno com as dimensões 14x20 cm, com capacidade para um litro de substrato de 2:1 (Solo/Esterco), sendo que o esterco bovino foi curtido, peneirado e misturado. Adotou-se o delineamento de blocos casualizados com 4 blocos x 5 tratamentos (0,150; 300; 450 e 600 mg.dm-3 de NPK), cada parcela contendo 05 plantas e foram analisados apenas as duas plantas centrais em cada tratamento.  Diferentes doses de NPK parceladas em três aplicações, sendo as mesmas diluídas em água e aplicadas posteriormente. O intervalo entre aplicações era a cada 15 dias.  A solução foi aplicada com auxílio de uma seringa com 20 ml por saquinho. As variáveis analisadas foram massa fresca das folhas (MFF), caule (MFC) e raiz (MFR), massa seca das folhas (MSF), caule (MSC) e raiz (MSR), e massa fresca total (MFT) e massa seca total (MST), analisando 2 plantas centrais em cada tratamento A avaliação estatística do experimento foi realizada pelo programa computacional SISVAR 5.1 - Sistema para Análise de Variância e concluiu que que a ateira não obteve resposta significativa as doses de NPK, mostrando que não há necessidade de adubação na produção de mudas de ateira.


Palavras-chave


ateira, fertirrigação, mudas

Texto completo:

PDF (Português)

Referências


EMBRAPA, Instruções Técnicas Embrapa Agroindústria Tropical, Nº 01, 1998, p.1-9, Fortaleza, CE.

EMBRAPA, Doses de Adubo de Liberação Lenta na Produção de Mudas de Pinheira em Tubetes. Fortaleza, CE,2013.

EMBRAPA, O cultivo da Pinha, Fruta-do-conde ou ata no Brasil, Planaltina-DF, 2000.

ROZANE, D. E.; NATALE, W. Calagem, adubação e nutrição mineral de Anonáceas. Revista 128 Brasileira de Fruticultura, p. 166-175, 2014.

SILVA, J. A. A. Quem é quem na família das anonáceas. Pesquisa & Tecnologia, 7f. vol. 4, n.1, 2007.

TAVEIRA, D.L.L; CHAGAS, P.C; SANTOS, V.A; ALVES, T.A.A; CHAGAS, E.A.

ÍNDICE DE QUALIDADE E CRESCIMENTO DE MUDAS DE ATEIRA COM USO DE 1 NPK. XXIV Congresso Brasileiro de Fruticultura, São Luís-Maranhão, 2016.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Valéria Lima da Silva

ISSN: 2675-3065

 Revista sob Licença Creative Commons

Language/Idioma
02bandeira-eua01bandeira-ingla
03bandeira-spn